Letícia Carvalho – Testemunho de milagre

Existem duas maneiras de viver a vida: a primeira é vivê-la como se os milagres não existissem. A segunda é vivê-la como se tudo fosse milagre.

Tudo começou quando eu era ainda uma criança, aos seis anos de idade e vivendo uma vida completamente normal! Nesta época, lembro-me que surgiu uma dúvida sobre o que era câncer, e logo recorri a minha mãe; afim de ter a resposta certa.

Foi então que ela me disse que era uma doença muito triste que só Jesus tinha a cura. Eu então disse: Mamãe eu vou ter câncer! E ela logo repreendeu: Filha misericórdia!

Passados uns meses comecei a sentir dores terríveis no abdômen, passei por cinco médicos e em hospitais diferentes, todos eram unanimes a dizer: Mãe sua filha tem verme!

Nisso já estava perdendo peso, estava aproximadamente com 17 quilos, e com o passar dos dias só ia emagrecendo! Lembro-me que quando estava em um determinado hospital cheguei a “falecer” na fila de espera, recordo que quando acordei, havia vários médicos encima de mim e novamente o diagnóstico: verme!

Alguns dias depois, comecei a passar mal mais uma vez, e foi aí que minha mãe fez um propósito com Deus, para que Ele mostrasse o que eu tinha, e no mesmo dia chegando no hospital os médicos pediram um ultrassom e veio o diagnóstico, Linfoma de burkitt; em nossa linguagem um câncer no intestino.

Os médicos após darem o diagnóstico, compararam a dor que eu sentia a um parto natural sem anestesia!

Mais em todo tempo, podemos sentir o cuidado de Deus!

Ele preparou um leito em um hospital lotado, onde podemos presenciar famílias voltando para casa por falta de vagas. Internei em uma quarta feira e minha cirurgia foi marcada para próxima segunda, porém na quinta-feira acordei vomitando sangue, e os médicos decidiram me operar no dia seguinte.

Neste dia questionei ao médico esta decisão, pois minha cirurgia seria na segunda-feira, não na sexta-feira! Quando foi na manhã seguinte amanheci sem dor alguma como se nada estivesse acontecendo, mal sabia eu que já era o agir de Deus.

Quando Chegou a segunda-feira me despedi da minha mãe dizendo que tudo daria certo, graças a Deus a cirurgia foi um sucesso, o resultado que chegaria em 12 horas foi alterado para 72 horas.

Quando o resultado chegou, uma junta de médicos, psicólogos, assistentes sociais chamaram meus pais em uma sala, mas eu insisti em ir junto, quando o Doutor deu o diagnóstico de Câncer eu interrompi dizendo: Doutor eu não tenho isso, Deus já me curou!

Por insistência de meus pais os médicos fizeram novos os exames e com o mesmo resultado – NEGATIVO! Eu não tinha mais nada! Os médicos ficaram sem entender, mas nós sabíamos que a mão do Senhor estava ali!

Mesmo após esse resultado maravilhoso, os médicos indicaram a quimioterapia profilática, o qual meus mais concordaram. Sendo assim, fiz este tratamento por 2 anos, neste período passei muito mal, minha garganta inflamava constantemente, tomava vinte e quatro comprimidos por dia, disseram que teria que fazer hemodiálise, mais que para a glória de Deus, não necessário!

Hoje? Não tomo comprimido nenhum, tenho uma vida completamente normal, o cabelo que perdi (que por sinal era enorme mas muito pouquinho) Deus restituiu 100 vezes mais!!

Por isso digo a você, Deus é o mesmo ontem, hoje e o será eternamente! A palavra Dele faz ossos secos reviverem, mortos ressuscitarem, doenças serem curadas! Costumo dizer que qualquer doença para Deus é comparada a um resfriado, pois Ele é dono de toda ciência!

Ele cura, Ele transforma, Ele liberta, Ele é a verdade, Ele é a Vida! Ele é O Caminho! Não Desista, persista e viva o propósito Dele em sua vida!

Letícia Carvalho
Membra da Igreja do Nazareno Betel

Deixe um comentário

wpDiscuz